www.tiagolima.com.br

August 23, 2008

Sim, agora dei uma caprichada e tá ae meu novo endereço: www.tiagolima.com.br

Até lá! 😀


Wii + Dlink DIR 300 = Decepção

August 21, 2008

Recentemente comprei um roteador wireless Dlink DIR 300 para poder usar meu Wii na Internet, jogar on-line e tudo mais. Se fosse apenas pelo meu notebook, não teria comprado. Um cabo de rede com alguns metros, que tenho em casa, já era o suficiente para as pouquíssimas horas que tenho passado em casa e no computador, em virtude do trabalho e da faculdade. Então, reforço que o desejo era apenas para ter meu Wii on-line 🙂

Comprei e estou frustrado até o presente momento: o Wii funciona apenas com a rede “aberta” ou com WEP, ou seja, praticamente sem segurança alguma, já que o WEP é facilmente “quebrável” e uma rede aberta … é uma rede aberta …

Configurando com WPA ou WPA2, não funciona. O mais estranho é ver no dlink o meu Wii autenticando e se associando adequadamente ao dispositivo, mas na hora de trafegar os dados … nada acontece!

Bom, então se autentica, associa e não trafega …pode ser o algorítmo de criptografia dos dados: TKIP … nada … AES … menos! Não vai …

Verifiquei por atualizações para o console, mas ele está 100% atualizado!

Achei que fosse problema do Wii e fui pesquisar. Nada de útil! Apenas mandam trocar de canal a minha rede sem fio, o que acreditei não ajudar muito mas, não custava nada testar: eu estava certo, nada mudou.

Bom então, é preciso improvisar. Para me proteger um pouco mais fiz alguns ajustes pequenos para melhorar um pouco a segurança, mesmo que um pouco …

Diminui a potência do sinal do Dlink para 25% apenas e permito apenas os meus endereços MAC (wii, PCs e notebooks), devidamente cadastrados no AP.

Agora me toquei de uma coisa: e uma atualização no firmware do AP? É uma última e muito boa tentativa que, confesso, já deveria ter pensando antes e provavelmente você que começou a ler este texto já havia pensado.

É isso, depois conto o resultado pra vocês.

Essas “pequenas” incompatibilidades de dispositivos de fabricantes diferentes e “distantes” por assim dizer (nintendo x dlink) deixam a gente bastante frustrado. A palavra “conectividade” acaba trazendo mais dor de cabeça do que facilidades. Ou a palavra seria “convergência”? Mais dor de cabeça e frustração …

Um abraço,

Tiago Lima